Portugal Tecnológico

Até Domingo decorre nas instalações da FIL / Parque das Nações a Mostra Portugal Tecnológico 2008. Sendo uma Mostra de acesso livre recomendo aos leitores que tenham disponibilidade, uma visita atenta à exposição.

Muito se tem discutido sobre se face ao contexto de turbulência da economia internacional, Portugal está ou não melhor preparado do que estava há alguns anos para os novos desafios. A minha convicção é afirmativa e esta Mostra ajuda a reforçá-la.

Pela primeira vez na nossa história (desde que há registos estatísticos) temos uma balança tecnológica positiva. Visitar a Mostra Portugal Tecnológico ajuda a perceber porquê.

Hoje a criação de valor decorre mais das soluções do que dos produtos ou processos. Organizada em onze pólos temáticos, conjugando 150 empresas e entidades e mais de 100 PME, a Mostra Portugal Tecnológico evidencia que mais do que empresas competitivas e abertas ao mundo, Portugal desenvolveu soluções e conceitos de inteligência colectiva que não apenas fazem a diferença na qualidade dos serviços prestados, como aumentam o potencial exportador da nossa indústria e dos serviços de base tecnológica.

Conceitos de referência internacional como o passaporte electrónico, a desmaterialização das relações entre a Administração, o Estado e as Empresas, as novas soluções de produção de energia renovável, o modelo de disseminação de computadores portáteis e banda larga ou as novas ofertas em saúde, segurança, ambiente ou logística, associados a uma nova abordagem da qualificação do sistema científico e da sua relação com as empresas, são o suporte duma nova ambição e duma nova marca do Portugal moderno.

Talvez os leitores entendam estas palavras como excessivamente optimistas. É por isso que aqui se aplica com toda a propriedade a ideia de que uma imagem vale por mil palavras. Vão ver!
PS: Para mais informações sobre programa e acesso (gratuito) à Mostra Portugal Tecnológico consulte o Site www.portugaltecnologico.fil.pt
Comentários
Ver artigos anteriores...