Cata -Ventos (O posicionamento dos partidos)

Os debates sobre o posicionamento dos partidos nos espectros tradicionais (esquerda versus direita) arrepiam-me. Que sentido faz a discussão sobre se o partido X deve virar à esquerda ou o partido y à direita? Se o partido Z deve ficar imutável ao centro e o W se deve deslocar para um extremo do tabuleiro. Serão os partidos políticos cata-ventos? Considero esta linguagem analítica muito próxima
Ler o artigo completo...
Comentários

Ganhar com a Derrota

Por vontade expressa e clara dos eleitores o Partido Socialista perdeu as eleições europeias. Essa derrota constituiu uma manifestação clara da vontade democrática dos portugueses que pode e deve servir para todos os que se identificam com o projecto político do PS fazerem da derrota e da sua compreensão um estímulo para os combates que se avizinham. A história ensina-nos que normalmente quem
Ler o artigo completo...
Comentários (3)

Uma ideia vencedora

À margem da análise política estrita que não é apropriada a este espaço, as recentes eleições europeias em Portugal mostraram um País ávido de beneficiar das mudanças e oportunidades que a modernização tecnológica a que assistiu nos últimos anos lhe proporciona.O ajustamento do uso do cartão do cidadão como instrumento de exercício do voto deu visibilidade a uma reforma de grande
Ler o artigo completo...
Comentários

Ler os Sinais (perceber a derrota)

O PS perdeu as eleições europeias. Temos de fazer dessa derrota um estímulo para os combates que se avizinham. A história ensina-nos que quem ganha a guerra é quem melhor percebe porque perdeu a batalha.Nestas eleições cerca de dois terços dos eleitores abstiveram-se. Dos que votaram, mais de 11% entregaram o seu voto a pequenos partidos ou votaram branco ou nulo. A disputa dos lugares no parlamento
Ler o artigo completo...
Comentários (1)

Decide a tua vida!

Domingo há eleições para o Parlamento Europeu. Já estão gastos pelo uso todos os argumentos e apelos para que os portugueses exerçam o seu direito e o seu dever de cidadania. Votar é importante como exercício democrático mas também como atitude pessoal que define autonomia, personalidade e capacidade de escolha.Nesta crónica faço um apelo ao acto de votar por razões um pouco diversas das
Ler o artigo completo...
Comentários (3)

Lideres do Sul

As funções de coordenação de diversas estratégias transversais de âmbito nacional e europeu permitem-me receber inúmeros convites para participar e intervir em eventos internacionais, muitos dos quais acabo por declinar ou repartir pela pequena / grande equipa que comigo trabalha directamente. Nos últimos tempos, mantendo-se o nível de solicitações para comunicações e conferências no
Ler o artigo completo...
Comentários
Ver artigos anteriores...