Tempo de Resistir

Segundo as últimas previsões Portugal vai crescer em 2008 e 2009 a uma taxa similar àquela a que cresceu em 2005. São previsões feitas num quadro de enorme volatilidade e que apenas reflectem o potencial actual do País face a uma conjuntura internacional em grande ebulição. Este cenário pode levar alguns portugueses a questionarem-se sobre a pertinência do esforço que lhe tem sido pedido
Ler o artigo completo...
Comentários

Tarrafal

O Tarrafal fez desde sempre parte do meu imaginário, embora só na passada semana tivesse tido a oportunidade de o visitar “in loco” no contexto dum convite para realizar uma conferência na cidade da Praia, no âmbito duma Universidade de Verão centrada na definição da estratégia de modernização daquele País, e na qual pude expor a experiência portuguesa, em particular a experiência
Ler o artigo completo...
Comentários

Infiltrados

A vida não está fácil para os analistas económicos e financeiros nem para os especialistas na matéria. Uma das consequências mais marcantes da crise financeira que assola o mundo foi a percepção da falência da análise económica estritamente quantitativa e dos modelos explicativos inflexíveis e simplistas. A incapacidade de prever com o mínimo de critério científico os movimentos dos
Ler o artigo completo...
Comentários

Dona Branca XXL

A crise económica e financeira global que estamos a viver é uma boa oportunidade para reflectirmos sobre as razões que nos conduziram até este ponto. Quando Bob Hope proferiu a célebre afirmação de que um banco é uma “instituição que empresta dinheiro a quem dele não precisa”, achámos graça, repetimos até á exaustão, mas não extraímos as devidas consequências do que essa definição
Ler o artigo completo...
Comentários

Ética Financeira

Poucas coisas mudaram tão vertiginosa e descontroladamente nas últimas décadas como os mercados financeiros. Exemplo disso, é que muitos sorriram quando Bob Hope proferiu a célebre afirmação de que um banco é uma “instituição que empresta dinheiro a quem dele não precisa.”Foi uma definição tão assertiva que entrou no léxico comum e se tornou emblema duma prática criativa e fervilhante,
Ler o artigo completo...
Comentários

Seja bem-vindo a este blog!

Acredito na força das ideias!A criatividade e a inovação são os motores da transformação económica e social.Ousar pensar, ousar propor e ousar fazer são os caminhos da mudança no século XXI.Partilho neste espaço, aberto a partir de hoje, ideias e opiniões, fazendo convergir notas soltas e artigos publicados na imprensa
Ler o artigo completo...
Comentários

A era das conexões

Desfeitas as certezas e assumidas as consequências da complexidade, o mundo vai tacteando à procura de novas narrativas e novas referências. Somos ao mesmo tempo protagonistas e observadores de um “salto quântico” nas dinâmicas de mudança tornando difícil mas aliciante a tarefa de delimitação de linhas de rumo no meio da turbulência.Vislumbram-se no entanto algumas tendências pesadas.
Ler o artigo completo...
Comentários (1)

Azia

As dificuldades económicas que o País atravessa são o resultado da conjugação dum deficit competitivo estrutural com o impacto da crise financeira que assola o globo, em particular a Europa e os EUA. Perante esta realidade poucos são os que não reclamam, com argumentos legítimos, uma forte e consistente intervenção do Estado.Não
Ler o artigo completo...
Comentários
Ver artigos anteriores...