Também estou...


No Twitter:


No Facebook:


Carlos Zorrinho's Facebook profile

No arquivo deste blogue:

Visto de Casa (27/04)

Na minha adolescência li os clássicos que se liam naquela altura e também alguns livros mais ligados à minha costela mística, de que o "Despertar dos Mágicos” de Louis Pauwels e Jacques Bergier, ou o “A Terceira Visão” de Lobsang Rampa são alguns bons exemplos.Outro livro de leitura precoce que muito
Ler o artigo completo...
Comentários

Visto de Casa (26/04)

Voltou a ser Domingo! As rotinas quando preenchidas aceleram o tempo. Sempre foi assim e assim é agora de novo. No início do confinamento o tempo parecia ter parado, os dias eram longos e a respiração era lenta. Depois deu-se a invasão virtual. Já lá vão mais de quarenta dias e parece que foi ontem.Ontem celebrámos a liberdade, com menos proximidade e maior afetividade.
Ler o artigo completo...
Comentários

Visto de Casa (25/04)

Depois de quarenta dias de confinamento chegou o dia da liberdade. Não o ansiado dia da vitória contra o vírus, mas o  dia da memória da vitória contra a ditadura. “Onde é que você estava no 25 de abril?”. Esta pergunta imortalizou o jornalista Baptista Bastos, entretanto falecido. Hoje assinala-se o 25 de abril de 1974. Muitos dos que me leem ainda não
Ler o artigo completo...
Comentários

Visto de Casa (24/04)

Hoje estou nos Açores. Quando no início do ano acertámos fazer umas Jornadas Parlamentares conjuntas entre os Eurodeputados do PS no Parlamento Europeu e o Grupo Parlamentar Socialista na Assembleia Legislativa dos Açores, para celebrar abril, homenagear o nosso colega André Bradford que faleceu repentinamente aos 48 anos no verão de 2019 e preparar o trabalho conjunto pelo desenvolvimento
Ler o artigo completo...
Comentários

Visto de Casa (23/04)

Vamos começar lentamente a regressar à rua, sem poder abraçar aqueles que para nos proteger nunca de lá saíram. Terá que ser um regresso com cuidado e rigor. Mas precisamos de caminhar. Arrepia-me pensar na situação limite de um médico que tem que escolher quem sobrevive, por carência de recursos para tratar todos os que necessitam. A pandemia multiplicou
Ler o artigo completo...
Comentários

Visto de Casa (22/04)

Ontem foi um dia particularmente intenso. Proponho-vos hoje um diário diferente. Uma de ata do trabalho confinado, vivido de casa, mas fora dela. Vi sobretudo muitos ecrãs interativos com pessoas do outro lado. Uma espécie de tele política em tempos de tele escola. Comecei com uma reunião dos socialistas e democratas na Comissão de Indústria, Investigação e Energia.
Ler o artigo completo...
Comentários
Ver artigos anteriores...